Ocultação de prova é a gota d’água que transborda a Lava Jato

Por Marco Aurélio de Carvalho, Lenio Streck e Fabiano Silva dos Santos

As novas descobertas sobre as mensagens postas à lume pela Operação Spoofing mostram que Procuradores do Ministério Público Federal do Paraná conversaram, em 13 de setembro de 2016, sobre a (não) inclusão de um áudio obtido por meio de uma interceptação telefônica de Mariuza Marques, funcionária da empreiteira OAS, encarregada da supervisão do edifício.

(mais…)